Eleições 2020, vai concorrer? Atenção nas redes sociais - Correio do Poder

12 de dezembro de 2019

Eleições 2020, vai concorrer? Atenção nas redes sociais


Você é do tipo, aconteceu postou? Cuidado! Se tem a intenção de concorrer a um cargo eletivo em 2020, a sua conduta nas mídias sociais pode te levar a dois caminhos. Se o trajeto for pensado e planejado, a vitória fica mais próxima. Mas se for do tipo, “deixa a vida me levar”, esta escolha pode te levar à derrota. Usar rede social para qualquer finalidade, vender produtos, ou conquistar votos é como cozinhar. São diversos ingredientes, temperos, especiarias, que, se usados na medida certa, irão certamente agradar o paladar de quem provar a refeição que você servir. Eu sou Hellen Quida, trabalho com Comunicação Política há 19 anos e vou passar algumas dicas para que você possa expor nas mídias sociais, o que você tem de melhor.


Estamos há pouco menos de um ano das eleições. Neste momento, é necessário, já em pré-campanha, dar um tom mais sério às suas postagens. Você já percebeu que na mídia social, a vida de todo mundo é perfeita né? Pessoas em lugares paradisíacos, todo mundo feliz, praia, campo, piscina. E você obviamente também gosta de postar este tipo de conteúdo. Mas aí que mora o perigo. Você está lá no seu fim de semana de boa, na piscina, tomando aquela cervejinha e pá tira uma foto e posta nas suas redes sociais. De bermuda, sem camisa, óculos escuros e uma lata de cerveja na mão. É legal postar? Depende. Claro que é bacana compartilhar momentos de felicidade, porém, este tipo de exposição pode te comprometer lá na frente. Ainda mais se você fizer isso com bastante frequência. Este deslize pode cair na mão dos seus adversários como munição para desconstruir sua imagem num momento oportuno, em plena eleição por exemplo.

Outro risco. Vai que acontece um dia uma matéria na televisão que insinua que você está envolvido em um problema qualquer. Os jornalistas irão na sua rede social buscar aquela foto que mais impacta o telespectador. O que você acha? Eles vão usar a foto em que você está reunido com a comunidade, ou aquela da bermuda e o copo de cerveja na mão? Não que isso vai acontecer, mas você precisa, blindar sua imagem. Então a dica é: evite este tipo de postagem, mas fique de olho nas redes dos seus adversários, porque eles podem dar esse mole para você.

Ah fora que hoje, já existem ferramentas que delimitam uma postagem a aparecer para apenas um público que a gente escolhe: família, amigos mais próximos enfim. Isso também é bem tranquilo fazer e garantir assim, sua blindagem.

"Puxa, mas eu gostaria de publicar estas fotos destes momentos legais da minha vida", enfim. Aqui entra o bom senso. Porque também, você não quer deixar suas redes apenas com trabalho, trabalho e trabalho. Vai ser chato.... Então faça isso com equilíbrio. Alterne os conteúdos de trabalho, reuniões, encontros, palestras, com os momentos de lazer. Mas tente selecionar estes conteúdos. Precisam ser leves, podem trazer a família, amigos, animais de estimação, igreja, etc. Esta exposição é importante também para que você mostre que é uma pessoa comum, que sai com os amigos, vai à igreja, passeia com o cachorro, etc. Esta humanização é importante. E lembre-se, o mundo mudou. E o eleitor também!
Hellen Quida. Jornalista, Social Media Manager. Atuante em Comunicação e Marketing Político há 19 anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários ofensivos serão deletados.