Detran DF


Delmasso adiantou que até março, mais três parques ecológicos do DF receberão ações semelhantes de plantio de mudas



O Comitê de Voluntariado Ambiental do Programa de Voluntariado da Vice-presidência da Câmara Legislativa iniciou nesta segunda-feira (14) o plantio de 500 mudas de espécies nativas do cerrado no Parque Ezequias Heringuer, no Guará. A iniciativa é fruto de parcerias com a Novacap, que doou as mudas já preparadas para o plantio, com o Instituto Brasília Ambiental (IBRAM), que disponibilizou o espaço, e com a Administração Regional do Guará.

Para o vice-presidente da Casa, deputado Delmasso (Republicanos) a escolha do Parque Ecológico Ezequias Heringuer para a primeira iniciativa do Comitê de Voluntariado Ambiental deve-se a uma conexão histórica dos moradores do Guará com o local. "Havia essa demanda da comunidade muito grande para a remoção dos invasores que estavam dentro do parque, o que conseguimos no governo passado. Agora trabalhamos com o IBRAM e a Novacap para a implantação definitiva do Parque. Delmasso adiantou que mais três parques ecológicos do DF receberão ações semelhantes de plantio de mudas: o da Península do Lago Norte, no final de janeiro; o Bernardo Sayão no Lago Sul, em fevereiro; e o Parque Três Meninas, em Samambaia, no mês de março.

Entre as espécies a serem plantadas estão: araçá do campo, angico, jenipapo, aroeira, urucum, ipê amarelo, ipê rosa, ipê branco, jacarandá, xixa, buriti, pitomba, mirindiba, fedegoso, sangra d'água, cajuzinho do cerrado, uvaia e cagaita.

A superintendente do Instituto Brasília Ambiental (IBRAM), Rejane Pieratti, destacou em seu pronunciamento que a época das chuvas no DF faz com que a "sociedade civil fique ávida por plantar" e que as unidades de conservação são um espaço mais que propício. "O Comitê é super bem-vindo! O parque é da comunidade e esse controle social é super importante, a sociedade civil é quem vai cuidar da implementação", observou Rejane.

Reserva Biológica

O Parque Ecológico Ezechias Heringer, também conhecido como Parque do Guará, protege nascentes e o Córrego Guará, que nasce na Reserva Biológica do Guará e deságua no Riacho Fundo, formando um importante Corredor Ecológico da região. Entre seus atrativos estão os equipamentos de lazer e esporte, como parquinhos, quadras poliesportivas e de areia, coopervia, ciclovia, além de um pequeno e bem cuidado orquidário com espécies nativas.


Fotos: Rogério Lopes.
Share To:

Rainne Del Sarto

Comentar:

0 comments so far,add yours

Comentários ofensivos serão deletados.