Detran DF

Pinta Mundi Tintas inaugura sete lojas em um mês, soma mais de 40 novas franquias abertas durante a pandemia e comemora acréscimo de 77 % em seu faturamento no primeiro semestre do ano

Ronaldo Bonfim Barros, novo franqueado da Pinta Mundi Tintas em São Caetano do Sul: após aderir ao PDV (plano de demissão voluntária) da Ford, o profissional tornou-se franqueado

O varejo de construção civil está aquecido. Os últimos dados divulgados pelo IBGE, na última semana, mostraram que as vendas cresceram 10,4% em abril sobre março, índice bem acima do varejo geral, que foi de 1,8% de crescimento.

O varejo de construção civil foi um dos menos afetados pela crise e pela pandemia. E, por ser assim, facilitou o crescimento das redes de franquia ligadas a ele. A Pinta Mundi Tintas é um bom exemplo de crescimento exponencial na pandemia. No final de 2019, a rede era composta por 17 lojas, entre próprias e franqueadas. Hoje, tem 70 (entre as que estão abertas e as já comercializadas) – e pretende fechar o ano com 80, pelo menos. "Nosso ritmo de inaugurações está intenso e as lojas em operação estão performando muito bem", comemora Nassim Katri, fundador da marca e franqueador.

Só em junho, a marca inaugurou lojas no estado de São Paulo, em Santo André, Campinas, Jundiaí, e na capital (loja nova em Lauzane Paulista, Tatuapé e reinauguração na Pompeia), e também em Roraima, em Boa Vista. Mas, nos meses anteriores, passou por Rio das Pedras (SP), São Caetano do Sul (SP), Vila Jaguara (capital paulista), Belo Horizonte (MG), Itupeva (SP) e Bragança Paulista (SP). "Ainda faltam lojas para inaugurarmos nos próximos meses, que já estão em implantação", comemora.

Em termos de faturamento, a marca informa que ampliou o índice em 77% no primeiro semestre do ano, em relação ao ano passado – número contabilizado com todas as lojas da rede. "Se contarmos apenas as lojas que tínhamos até o final de junho de 2020, para compararmos o crescimento delas, esse índice é de quase 30% de crescimento do faturamento. É preciso levarmos em conta que o primeiro semestre do ano passado foi marcado pelo início da pandemia e ter um aumento de faturamento desses é bastante expressivo", pondera o franqueador.

Por que a Pinta Mundi Tintas está se expandindo rapidamente

Nassim Katri  e sua equipe criaram um conceito de loja de tintas diferente do que existe no mercado. Compactas, bonitas e de fácil operação, elas oferecem tintas de todos os tipos e acessórios para pintura – realmente, os pintores profissionais e consumidores finais encontram tudo para a realização do serviço em um único local, como pinceis, tintas, escadas e equipamentos de segurança.

Além disso, o franqueado trabalha com o sistema de tintometria, que consiste num maquinário especial que mistura tintas na hora, permitindo oferecer ao cliente a cor que ele deseja, em mais de duas mil tonalidades. "Com o sistema tintométrico, o espaço da loja fica livre para ser ocupado por outros produtos, o estoque é compactado e o investimento cai", comenta o franqueador.

Numa Pinta Mundi Tintas, então, investem-se a partir de R$ 189 mil numa loja compacta, que pode ser montada em cidades a partir de 40 mil habitantes. "Trabalhar com tintas permite alta rentabilidade, porque o estoque tem vida longa, com baixa perecibilidade e alto giro. Com dois funcionários, o franqueado opera a loja tranquilamente", explica.

O perfil do franqueado - cases

Pode-se dizer que uma Pinta Mundi Tintas é para todo perfil de franqueado. Na rede de Nassim Katri, encontram-se casais de meia-idade; ex-executivos e executivas, que optaram por uma vida mais tranquila; jovens casais, ainda começando a vida profissional; aposentados; pais e filhos; funcionários e ex-funcionários da própria rede, enfim, a heterogeneidade dos franqueados demonstra que, realmente, a operação é simples e o suporte oferecido pela marca é suficiente para que eles tenham sucesso. Alguns, inclusive, já estão operando a segunda loja.

Ronaldo Bonfim Barros, 45 anos, acaba de inaugurar a unidade franqueada de São Caetano do Sul (SP). Ele participou do Programa de Demissão Voluntária (PVD) da Ford de São Bernardo do Campo (SP) e se desligou da empresa em novembro de 2019. Quando a notícia de que a planta encerraria as atividades foi anunciada, ele se viu perdido e não imaginava o futuro de sua carreira.

Após meses estudando o mercado, não demorou para que optasse por uma franquia da PINTA MUNDI TINTAS. Barros conheceu a marca por meio da Associação Brasileira de Franchising (ABF), em setembro de 2020, e em novembro já estava fechando o negócio. "Antes, eu fiquei quase um ano estudando e estava pensando em ir para o ramo alimentício. Mas, como veio a pandemia, eu achei que não seria o ideal. A construção civil, mesmo em meio à crise, nunca para e está crescendo bastante nos últimos meses. Depois de algumas reuniões, eu ainda tive a oportunidade de visitar outros franqueados e o que ouvi deles foi muito positivo, de que realmente a Pinta Mundi Tintas traz os benefícios que promete", conta Barros.

Franqueado há mais de dois anos, casal Alessandra e Ricardo Przadka (foto) comanda a unidade Tucuruvi, na capital paulista. Estão tão satisfeitos com a marca que acabam de inaugurar a segunda loja, em sociedade com o primo Rubens Meindl Terzella, de 57 anos, em Lauzane Paulista, também em São Paulo (SP). Essa é um das maiores da rede, com 250 m2.

Durante 30 anos, Rubens se dedicou à produção de imagens. Na década de 90, chegou a ter uma produtora e, nos últimos dez anos, foi diretor de imagem na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp). Em 2020, decidiu ter seu próprio negócio e os primos, então, foram os maiores incentivadores. Rubens, inclusive, ficou por alguns dias na unidade do Tucuruvi, onde se impressionou com a movimentação na loja e com o bom volume de vendas. "Nesse período que passei por lá, pude ver na prática como tudo funcionava e ver a reação do mercado. Mesmo em meio a pandemia, as vendas eram positivas, até porque existe a opção de delivery. Muita gente ficou em casa agora e decidiu mudar. Então, acredito que seja um segmento que está sempre em alta", frisa o novo franqueado.

O casal veterano pensa em ter mais lojas – assim que essa se estabelecer. "Já reservamos mais uma área e, em breve, teremos a terceira loja", dizem, satisfeitos com o negócio.

Futuro da marca

Nassim Katri acredita que o futuro se constrói hoje. "Temos que aproveitar o momento excepcional que o segmento de varejo da construção civil vive. A relação que temos com a indústria é positiva, o mercado está aquecido e nem a pandemia interferiu drasticamente nas condições de trabalho e rentabilidade. Então, somos, sem dúvida, a melhor opção de franquia atualmente", pondera.

A Pinta Mundi Tintas deseja crescer, mas sabe que sua estrutura para atender o franqueado também deve crescer junto. "Até agora, só investimos. Tudo o que entra na franqueadora é revertido na contratação de consultorias para melhorias internas e suporte avançado ao franqueado, implantação de softwares, contratação de equipes e itens que suportem nosso planejamento estratégico. É por isso que a rede se sente apoiada", garante o franqueador.

E, como cabem ainda muitas lojas Pinta Mundi Tintas pelo Brasil, ele dá o recado: "Dificilmente, quem deseja abrir uma franquia tem como primeira opção, como um sonho, ter uma loja de tintas. Parece, à primeira vista, um negócio sem glamour. Porém, quando o franqueado percebe que trabalhará em horário comercial, tendo tempo livre para acompanhar o crescimento dos filhos, fazer um esporte ou um curso; que poderá curtir boa parte do final de semana; que não será refém de horários de shoppings e nem de negociações difíceis com esses estabelecimentos e que, principalmente, ganhará dinheiro, porque é um negócio lucrativo, ele muda totalmente sua visão. É por isso que estamos crescendo, com sustentação do negócio e longevidade", finaliza o Nassim Katri.

 

Sobre a Pinta Mundi Tintas

A PINTA MUNDI TINTAS é uma rede varejista multimarcas de tintas e acessórios para pintura, com mais de 70 lojas. Possui parceria com indústrias de tintas como Sherwin-Williams, Suvinil e Coral, além de acessórios como Condor e Tigre.

A PINTA MUNDI TINTAS apresenta uma operação enxuta, de baixa complexidade, que permite ao franqueado trabalhar um ou dois colaboradores, em horário comercial. Por ser uma operação com tais características, permite ao franqueado ter flexibilidade de horários. A meta da rede é chegar a 80 lojas até o final de 2021.

Share To:

Gabriela Ursulino

Comentar:

0 comments so far,add yours

Comentários ofensivos serão deletados.