Detran DF
Com valores que variam entre R$67 e R$197, Portal Jovem Empreendedor oferece mais de 20 cursos em diversas áreas e recebe mais de cinco mil novos alunos por mês



Por Vanessa Moraes

Foi depois de sofrer um golpe numa pequena cidade do interior de Goiânia, em Goiás, que Bruno Sampaio Gonçalves, de 31 anos, decidiu criar um programa que oferece cursos profissionalizantes a preços acessíveis a pessoas de baixa renda. "Certa ocasião, anunciaram que teríamos uma escola de cursos profissionalizantes na cidade, cuja matrícula custava cerca de R$90. Os interessados se inscreveram, mas a suposta empresa sumiu com o valor das matrículas. Embora ruim, essa experiência me mostrou a carência nas cidades do interior de cursos profissionalizantes acessíveis à população", conta o jovem.

Foi a partir desse golpe que o sonho de mudar a vida de milhares de brasileiros começou a tomar forma na mente e no coração de Bruno. Ele percebeu que os jovens tinham muita dificuldade para conseguir o primeiro emprego. Eles precisavam trabalhar para ajudar no sustento do lar, mas sem conhecimento especializado, obter uma colocação no mercado de trabalho, principalmente sem experiência, tornava a situação ainda mais difícil. Pensando nessas pessoas, Bruno criou o Portal Jovem Empreendedor, uma iniciativa que oferece cursos profissionalizantes acessíveis a pessoas de baixa renda.
 
"Não é possível ofertar os cursos por um preço que o público-alvo não pode pagar. Claro que a escola precisa lucrar para continuar existindo, e isso é possível graças ao volume de alunos", aponta Bruno Gonçalves. Ele ainda acrescenta que os alunos do Portal Jovem Empreendedor não pagam mensalidade, apenas a taxa de inscrição. "Com menos de R$100 você se inscreve e pronto. Essa taxa pode ser parcelada, dando ainda mais acessibilidade aos interessados", explica.

Portal Jovem Empreendedor

No início, o Portal Jovem Empreendedor funcionava apenas de forma presencial, mas a vontade de alcançar pessoas de todo o país fez com que Bruno desse início à oferta de cursos on-line. O portal que era uma pequena escola do interior de Goiânia tornou-se uma das maiores escolas de cursos profissionalizantes do Brasil, com cinco mil novos alunos por mês. Atualmente, são mais de 65 mil alunos matriculados nos mais de 20 cursos oferecidos. "Cada curso tem uma carga horária que varia de 20 a 400 horas, dependendo da área escolhida. Os alunos contam com uma plataforma para acessar as aulas pela internet, seja pelo celular, tablet ou computador. Eles também têm acesso a apostilas em PDF e dependendo da modalidade, podem integrar grupos de alunos em determinadas redes sociais", cita.

Bruno Gonçalves complementa que os professores que ministram aulas pelo portal são altamente preparados e formados na área de atuação. O professor do curso de Atendente de Farmácia, por exemplo, é graduado em Farmácia pela Universidade São Francisco (USF), técnico em Análises Clínicas pela Fundação de Ensino Superior de Bragança Paulista (FESB), graduando em Economia e Publicidade pela UNOPAR, tem especialização em Farmacologia e Atenção Farmacêutica pela F2 CONSULTORIA e possui três pós-graduações.

Primeiro emprego
Além de atender o público das classes C, D e E, o Portal Jovem Empreendedor oferece treinamentos que visam o primeiro emprego. Os cursos mais procurados no portal são Auxiliar Administrativo, Operador de Caixa, Atendente de Farmácia e Informática.

Para Bruno Gonçalves, é gratificante ver pessoas terem acesso à qualificação profissional e conseguirem um emprego para ajudar a família. "Eu sei como é isso, já estive nessa situação. Quando você termina o ensino médio, fica 'sem rumo', sem saber o que fazer. A educação profissional com certeza ajuda a dar um direcionamento e a conseguir mais rápido o primeiro emprego", garante o diretor da escola profissionalizante.
 
É nesta empreitada que Luciana Leal, de 37 anos, está atualmente. Ela sempre trabalhou na roça e não tinha tempo para estudar. Entretanto, ela descobriu o Portal Jovem Empreendedor pelas redes sociais e encontrou uma oportunidade para se profissionalizar. Após concluir os cursos de Auxiliar Administrativo e Informática Empresarial, ela busca o primeiro emprego nestas áreas. "Só tenho a agradecer por tudo o que o Portal Jovem Empreendedor fez por mim. Fui motivada pelos professores, que se dedicam muito aos alunos. Eles têm uma didática exemplar. Conhecimento é tudo e hoje estou muito feliz", comemora.

O trabalho não para
Depoimentos como o de Luciana dão forças para que Bruno e sua equipe continuem com o trabalho do Portal Jovem Empreendedor. "É muito bom receber mensagens de pessoas que estão felizes com os cursos e pessoas que conseguiram emprego. Recebemos mensagens assim todos os dias. Agora o nosso sonho é ganhar reconhecimento nacional e nos tornarmos referência como escola de cursos profissionalizantes", finaliza o diretor.

Share To:

Redação

Comentar:

0 comments so far,add yours

Comentários ofensivos serão deletados.