Detran DF


O Fluminense recebeu o Bragantino e fez um bom primeiro tempo


Por Raimundo Ribeiro

Em jogada trabalhada fez 1x0 com Fred e ampliou com Luiz Henrique.

Poderia ter liquidado a fatura já no primeiro tempo,  mas o excesso de preciosismo e a falta de ambição, consequência do conformismo, impediu que isso acontecesse.

A falta de ambição ficou muito clara quando o adversário perdeu a bola no ataque e Nonato recebeu a bola no meio campo, tinha Fred e Luiz Henrique na frente e os jogadores da defesa avançando,  mas ele preferiu parar, olhar pra trás e ficar tocando sem nenhuma objetividade.

Nesse lance, o placar era apenas 1x0 e esse comportamento já mostrava o espírito conformado que contaminava o time em campo.

Com 2x0 voltamos para o segundo tempo e aí o time se apequenou mais ainda e  claro, já que o Fluminense não queria jogar, o Bragantino passou a atacar e logo fez o seu gol.

Atemorizado de levar o empate novamente,  e só por isso, Marcão colocou Biel e Bobadila,  reequilibrando a partida, explorando os contra-ataques e perdendo pelo menos 3 oportunidades de liquidar a fatura.

A vitória é sempre importante, mas é necessário que Marcão queira aproveitar a segunda oportunidade que está tendo, abandone essa postura conformista,  aproveite que tem um bom elenco e treine o time para atacar sempre, tentando fazer gols durante os 90 minutos, independentemente do placar.

Com isso, o time ganhará a maioria das partidas, os jogadores serão valorizados e o Fluminense reencontrará sua vocação de grandeza.

Marcão tem o mérito de ter melhorado o desempenho coletivo,  mas só isso não basta. Precisa ter ambição para buscar gols ao longo de toda a partida.

Domingo, a parada é dura contra o Santos, mas é possível vencer.

Bora FLUZÃO!
*Raimundo Ribeiro é apaixonado por futebol e naturalmente tricolor.

Share To:

Rainne Del Sarto

Comentar:

0 comments so far,add yours

Comentários ofensivos serão deletados.