IESB

Projeto que cria o Complexo de Exportação e Logística do DF é aprovado em segundo turno

Esta medida vai gerar mais de 50 mil empregos no Distrito Federal, milhares de famílias serão beneficiadas

Foto: Rogério Lopes.

Nesta quarta-feira (1º), a Câmara Legislativa concluiu a apreciação do projeto de lei que cria o Complexo de Exportação e Logística do Distrito Federal (PL nº 1.690/21). O objetivo é fomentar o investimento produtivo de capital nacional e estrangeiro na área de logística, assim como aumentar a competitividade das exportações do DF. Aprovado em segundo turno e redação final no começo desta noite, o texto segue para o governador Ibaneis Rocha.

De acordo com a proposição, apresentada pelo deputado Delmasso (Republicanos), o Poder Executivo poderá estabelecer incentivos fiscais, creditícios e financeiros para a implantação de empresas nas áreas de logística e exportação, bem como criar "zona de processamento de exportação", junto ao governo federal, no Complexo. O autor da matéria avalia que a medida vai atrair mais de 50 mil empregos para a capital do Brasil.

O Complexo Logístico, segundo o texto, será integrado pelo Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), Setor de Armazenagem e Abastecimento Norte, Setor de Transporte Rodoviário e Cargas, Aeroporto Internacional de Brasília, Polo Industrial JK, Setor G Sul de Taguatinga, além das Áreas de Desenvolvimento Econômico (ADE's).

O deputado Delmasso comemorou o resultado da votação do PL: "Esta Casa faz história com essa aprovação, que vai fortalecer a vocação econômica do DF".
Paulo Melo

"Não viva para que a sua presença seja notada, mas para que a sua falta seja sentida." (Bob Marley)

Postar um comentário

Comentários ofensivos serão deletados.

Postagem Anterior Próxima Postagem