Sem sorriso metálico: tratamento com alinhadores transparentes ganha espaço entre adolescentes

Livia Szpatowski desejava continuar sorrindo sem que percebessem o aparelho ortodôntico
Crédito: Arquivo pessoal

Estética e rapidez no tratamento são os principais benefícios que têm levado jovens a buscar essa opção no lugar dos tradicionais braquetes

Praticidade e conforto têm levado muitos adolescentes a optarem por alinhadores transparentes no momento da escolha do aparelho ortodôntico. A partir da dentição permanente, esse tratamento já pode ser considerado uma opção para jovens. Esse foi o caso da estudante Livia Bortolini Szpatowski, de 13 anos, que, junto com a mãe, escolheu os alinhadores transparentes entre as alternativas apresentadas pela dentista que acompanha o caso.

“Para mim, é um aparelho muito prático. Como é móvel, pode ser retirado para comer. A higienização também é super fácil, porque é só retirar, higienizar a boca e o aparelho, e colocar novamente”, comenta a adolescente. Para ela, a possibilidade de poder sorrir sem os braquetes foi primordial para fazer esse tratamento. “Eu escolhi o alinhador ao invés do aparelho tradicional porque troco a cada 15 dias e no meu caso, funciona mais rápido. E também por ser transparente, assim eu posso sorrir e não aparece o aparelho”, destaca Livia.

A mãe da adolescente, a advogada Cristiane Bortolini, conta que a filha começou o tratamento em outubro de 2021 e, antes, ela buscou entender sobre o funcionamento do alinhador transparente e as diferenças com o aparelho convencional. “Vejo como benefícios o fato de o tratamento ser rápido em muitos casos, além de ser mais bonito e possibilitar tirar o alinhador para limpeza e escovação dos dentes, o que ajuda muito no dia a dia”, comenta Cristiane.

Tendência e trabalho conjunto

Para a dentista de Livia, Isabela Almeida Shimizu, os adolescentes estão buscando cada vez mais informações sobre os tratamentos estéticos e gostam da praticidade dos alinhadores transparentes. “Eles conhecem os alinhadores pelas redes sociais e querem usar não somente pela questão estética, mas porque em muitos casos, passarão menor tempo em tratamento”, explica. A duração desse processo em grande parte dos casos é menor, se comparada com os aparelhos metálicos. Normalmente, com os braquetes, o paciente fica em média de 2 a 3 anos. Já com o procedimento transparente, os dentes podem ficar alinhados em 9 meses, segundo a dentista.

A cirurgiã-dentista e especialista da ClearCorrect, Caroline Aranalde, acredita que muitas vezes os adolescentes não gostam do sorriso metálico e isso acaba desmotivando a correção dos dentes. “A questão da aparência e do desconforto são algumas das dificuldades dos braquetes. E o alinhador transparente pode trazer essa praticidade para o jovem, principalmente em momentos de lazer e prática de esportes que são tão importantes nessa fase”, destaca.

Segundo a especialista, os pais precisam levar o adolescente ao dentista para que ele avalie se o tratamento com essa técnica é possível. “Para utilizar o alinhador, o jovem precisa já ter todos os dentes permanentes. A partir disso, o especialista irá analisar a necessidade de cada paciente e produzir o alinhador”, finaliza Caroline.

Sobre a ClearCorrect

A ClearCorrect é a segunda maior marca de alinhadores transparentes para tratamentos ortodônticos do mundo, pertencente ao Grupo Straumann, com produção concentrada na fábrica em Curitiba (PR). O sistema da ClearCorrect promove a movimentação dentária por meio de pressões exercidas em determinadas regiões do dente, resultando na remodelação óssea.

 

Postar um comentário

Comentários ofensivos serão deletados.

Postagem Anterior Próxima Postagem