IESB

Adolfo Lopes diz: seleção de Brasília entrará em campo sob o comando do governador Arruda

O saudoso governador de Brasília José Aparecido, entre dois secretários de seu governo, o José Roberto Arruda e Adolfo Lopes e a esposa Palmelina

Texto escrito por Eunicinha Lourenço


Adolfo Lopes é timoneiro cujo pai era da famosa Polícia Militar de Minas, onde o estadista Juscelino Kubitschek foi capitão médico.  Vale lembrar, quando JK tomou posse como presidente do Brasil, ele trouxe consigo o pai e a mãe de Adolfo. Ela tornou-se uma exímia professora de piano. Foi neste contexto, entre a cadência da música clássica e a proximidade do poder que fez o Brasil avançar 40 anos em 4, que Adolfo Lopes foi criado com seus irmãos. Tornou-se advogado, economista, administrador de empresas, e passou no concurso público como auditor fiscal da Secretaria da Fazenda do Distrito Federal.

Paulo Octávio (PSD) poderá novamente ser o vice-governador de Arruda


O personagem de nossa reportagem foi secretário de Estado em Brasília, nos governos José Aparecido e também no governo Roriz, quando construiu sua história como um importante gestor. Ele passou também uma temporada no Mato Grosso do Sul, onde ajudou de forma efetiva na divisão daquele importante Estado brasileiro. Por lá Lopes ocupou relevantes cargos e ficou conhecido como o pai do código tributário de Mato Grosso do Sul.

Adolfo e Arruda são alunos dos saudosos professores José Aparecido e Joaquim Roriz
Adolfo e Arruda são alunos dos saudosos professores José Aparecido e Joaquim Roriz


Adolfo também deu sua contribuição durante alguns anos em que morou em Valparaíso-GO, no Entorno de Brasília e lá foi vice-prefeito. Entre os amigos que Lopes fez na política, ele destaca José Roberto Arruda e afirma: "A justiça tarda mas não falta. Tudo indica que Arruda, que foi meu colega nos governos José Aparecido e Roriz, agora está sendo definitivamente liberado pela Justiça para concorrer ao governo do Distrito Federal.

Arruda disse o seguinte para a reportagem: ' Gim Argello foi o melhor senador que Brasília teve. Por isso ele será o senador de minha seleção de craques'


Não tenho dúvidas de que ele vencerá o pleito e será novamente o governador dos governadores. Aproveito para desejar muito sucesso ao meu  coestaduano de Minas Gerais e engenheiro de profissão, além de ter sido o melhor administrador que Brasília já teve. Certamente ele fará uma seleção de craques para entrar no campo da eleição brevemente, concluiu Adolfo.

Adolfo Lopes (PL) ao lado da esposa Palmelina, aguarda com muita parcimônia,  a opinião do Arruda, para ele decidir seu projeto político na eleição do dia 2 de outubro


A reportagem foi a campo em Brasília quando percebemos que Adolfo Lopes ainda não revelou se disputará uma vaga para deputado distrital, federal ou senador suplente de alguém que tenha uma história em Brasília. Contudo, Adolfo tem razão: Arrudão é de fato pré-candidato a governador no DF. Breve ele vestirá o uniforme e calçará as chuteiras e escalará os melhores para seu time. Uma das exigências é que tenham relação forte com Brasília.

Adolfo almeja que sua amiga Flávia seja a candidata ao Senado. Entretanto, a conjuntura leva a ex-ministra para a renovação de seu mandato na Câmara Federal


Comenta-se nos bastidores que alguns atletas já estão no vestiário, são eles: Paulo Octávio (PSD), que poderá ser o vice. Flávia Arruda (PL) poderá ir para a reeleição na Câmara Federal. O pré-candidato que Arruda vê com bons olhos para o Senado é o ex-senador Gim Argello (PROS). Como se vê, trata-se de uma seleção de craques. Que Brasília eleja o melhor.
Emerson Tormann

Técnico Industrial em Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Especialista em inspeção predial. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Comentários ofensivos serão deletados.

Postagem Anterior Próxima Postagem