Bio Caldo - Quit Alimentos

Produção média nacional de petróleo e gás bate recorde em 2023

Plataforma de Mexilhão (PMXL-1), operando na Bacia de Santos, em São Paulo. Foto: Divulgação / PAC - Min. do Planejamento

Também foi registrada a maior produção anual da história no Pré-Sal, que correspondeu, em média, a mais de 75% da produção nacional

Por Agência Nacional do Petróleo e Biocombustíveis (ANP)

Em 2023, a produção média anual de petróleo e gás natural, no Brasil, foi recorde, com 4,344 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d), cerca de 11,69 % acima do recorde anterior, alcançado em 2022. Foi a primeira vez que a produção média anual nacional atingiu uma marca acima dos 4 milhões de boe/d.

Houve recorde ainda, no ano, nas produções separadas de petróleo, com 3,402 milhões de barris por dia (bbl/d), 12,57% acima do valor de 2022 (que tinha sido de 3,022 milhões de bbl/d); e de gás natural, com 150 milhões de metros cúbicos por dia (m³/d), cerca de 8,7% maior do que a observada no ano anterior (de 138 milhões de m³/d).

O volume médio produzido no Pré-Sal em 2023 também foi o maior já registrado, com 3,304 milhões de boe/d, o que representou, em média, 75,18% da produção nacional.

Esses e outros dados se encontram no Boletim Mensal da Produção de Petróleo e Gás Natural de dezembro de 2023, divulgado hoje (02/02), em encarte que traz a consolidação dos dados anuais.

O encarte de 2023 apresenta alguns dados novos em relação às publicações de anos anteriores. Por exemplo, alguns gráficos com dados históricos trazem informações dos últimos 10 anos, em vez dos cinco anos das edições anteriores, o que permite análises em um período de tempo mais amplo.

Também foram incluídos novos gráficos e tabelas, como os de maiores campos produtores de petróleo, em mar e terra, nos últimos cinco anos, e listas de instalações marítimas que mais produziram petróleo e gás em 2023 e as que iniciaram sua operação no ano.

Dados de dezembro de 2023

Com relação aos dados mensais de dezembro, o Boletim Mensal da Produção demonstra que, no mês, foram produzidos 4,570 milhões de boe/d de petróleo e gás natural. Separadamente, a produção foi de 3,585 milhões de bbl/d de petróleo, uma diminuição de 2,5% com relação a novembro de 2023 e um aumento de 16,6% em comparação a dezembro do ano anterior; e de 156,618 milhões de m³/d de gás natural, uma redução de 3,4% comparando com o mês anterior e um crescimento de 11,8% em relação ao mesmo mês de 2022.

A produção do Pré-Sal, oriunda de 150 poços, foi de 2,742 milhões de bbl/d de petróleo e 118,34 milhões de m³/d de gás natural, totalizando 3,487 milhões de boe/d. Trata-se de uma redução de 2,7% relação ao mês anterior e aumento de 16,8% se comparada ao mesmo mês de 2022. Em dezembro, a produção do Pré-Sal correspondeu a 76,3% do total produzido no Brasil.

No mês, o aproveitamento de gás natural foi de 97,8%, disponibilizando ao mercado 51,77 milhões de m³/d de gás. Já a queima foi de 3,39 milhões de m³/d, tendo redução tanto na comparação com o mês anterior (-7,4%) quanto com o mesmo mês de 2022 (-8,5%).

Com relação à origem da produção, os campos marítimos produziram 97,7% do petróleo e do gás natural do país. A produção ocorreu em 6.546 poços, sendo 539 marítimos e 6.007 terrestres.

Campos operados pela Petrobras, em consórcio ou não, produziram 88,0% do petróleo e gás natural. Já os campos operados pela empresa estatal com participação exclusiva (100%), produziram 24,7% de ambos os hidrocarbonetos.

Destaques da produção de dezembro

Em dezembro de 2023, o campo que mais produziu tanto petróleo quanto gás natural foi Tupi, na Bacia de Santos, com média de produção de 804,44 mil bbl/d de petróleo e de 40,01 milhões de m³/d de gás natural.

O campo com maior número de poços produtores foi Estreito, na Bacia Potiguar, com 865 poços. Já o campo marítimo com mais poços produtores foi Tupi, com 60 poços.

A instalação com a maior produção tanto de petróleo quanto de gás natural no mês foi o FPSO Guanabara, no Campo de Mero, que produziu 179.380 de bbl/d de petróleo e 11,63 milhões de m³/d de gás.

Acesse o Boletim Mensal da Produção de Petróleo e Gás Natural de dezembro de 2023, que traz também o encarte com os dados consolidados do ano.
Emerson Tormann

Técnico Industrial em Elétrica e Eletrônica com especialização em Tecnologia da Informação e Comunicação. Editor chefe na Atualidade Política Comunicação e Marketing Digital Ltda. Jornalista e Diagramador - DRT 10580/DF. Sites: https://etormann.tk e https://atualidadepolitica.com.br

Postar um comentário

Comentários ofensivos serão deletados.

Postagem Anterior Próxima Postagem